O CACHORRO E O PREGO

“Um rapaz estava dirigindo há horas em um deserto.
De repente, ele se depara com um posto de gasolina bem simples, com uma bomba de gasolina e apenas um senhor de aproximadamente uns 70 anos de idade, sentado em uma cadeira de balanço antiga e ao seu lado estava um cachorro. O rapaz para o carro e diz:
…- Senhor, por favor, encha o tanque para mim.
O senhor levantou e começou a encher o tanque.
Enquanto fazia isso, eis que o jovem motorista avistava a reação do cachorro que chorava e parava, chorava e parava. O motorista agoniado com o fato, pergunta ao senhor:
– Esse cachorro é do senhor?
– Sim – respondeu o senhor.
– Então me responda por que ele não para de uivar?
O senhor responde:
– É porque ele está sentado em um prego.
– Então por ele não levanta e sai dali? – indaga o rapaz.
– ” É que não deve estar doendo tanto – Dói-lhe o suficiente para se queixar, mas não o suficiente para se mexer” – responde o senhor.
Moral da história:
Nos queixamos, reclamamos, mas pouco empreendemos na direção de uma mudança real. A possibilidade de mudança está na atitude e não na fala. Falar apenas é um hábito que nos mantém em cima do prego.
Pense nisso e não fique sentado no prego! Vá atrás de seus sonhos, pois ninguém fará isso por ti. Se encontre e se reconecte com a luz divina que habita em você. Redescubra a força que tens

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

INDIGNAÇAO

O homem que nunca se irritava

ABSURDO! restriçoes de idade impedem compra de medicamentos pela Farmacia Popular